Vizeu Leilões – Valinhos, Campinas, DF e Campo Grande

Atualmente a estratégia das empresas para vender seus produtos ou serviços mudou. As técnicas não são mais as mesmas de quando não se havia tanta concorrência. Hoje existem meios diferentes para a divulgação e construção da sua marca. Acredito que o fator que causou toda essa revolução na forma como se tratava a publicidade foi a internet, que chamou os consumidores para fazer parte de um mundo onde todo mundo dá sua opinião, livre de censuras e limites. As redes sociais também ajudaram muito, pois prendem a atenção das pessoas por muito tempo, assim como a televisão. Agora a internet está competindo com a TV, o vencedor dessa luta ainda não sabemos que é, mas que a web é uma forte concorrente, isso sim.

Com o mundo online as pessoas ficam mais bem informadas, cobram mais seus direitos e são menos manipuladas. A televisão fazia com que você acreditasse no que eles quisessem e dessem atenção somente para o que interessava pra eles. Agora não é mais assim, os clientes sabem o que está certo e errado, conseguem correr atrás do que lhes foi prometido e não cumprido. Com essa mudança as empresas tiveram que tomar uma atitude, melhorando seus serviços, nem que pra isso fosse necessário abaixar um pouco a média de lucros.

Clientes dando lances no Pátio

No quesito preço, diversas ferramentas e empresas surgiram para lutar por isso e oferecer produtos com valores mais em conta. Foi assim que surgiram sites como o Vizeu Leilões. Isso, na minha opinião, é um grande marco no mundo do comércio, o comprador está sendo mais valorizado e a possibilidade de adquirir um produto antes considerado luxuoso é bem maior. As empresas de compras coletivas são um grande exemplo disso, elas correm atrás de descontos o tempo todo e eles conseguem resultados inacreditáveis, chegando à 99% de desconto na compra de um serviço.

Os sites de leilões online também representam uma grande oportunidade aos que querem economizar. Acredito que todos já saibam como funciona, mas vou dar uma rápida explicação. Um leilão funciona da seguinte maneira, um usuário dá um lance em um produto, ele diz o quanto ele acha que o objeto vale e oferece aquela quantia. Você pode ofertar, por exemplo, 100 reais em um iPhone. Se ninguém cobrir seu lance, o produto é seu. Basicamente é isso, o usuário pode pagar muito barato, ou o preço justo, tudo depende da sua sorte.

No caso do Vizeu Leilões, estamos falando de carros, motos e caminhões. Todos sabem que um veículo comprado em leilão sai infinitamente mais em conta, levando em consideração que não são novos, mas ainda sim estão sempre bem abaixo da tabela. Há boatos de que um carro comprado nessa modalidade é um pouco mais difícil de se vender, mas sou totalmente contra esse pensamento. As pessoas querem pagar 7 mil e vender por 10 mil. Assim não dá, todo automóvel desvaloriza com o valor do tempo e, se comprou mais barato que a tabela, não adianta vender na faixa.

Há como encontrar unidades do Vizeu nas cidades Valinhos, Campinas, Brasília (DF), Campo Grande (MS), Goiânia (GO), e outras que no momento não me lembro para citar aqui. Você pode tanto visitar o endereço www.vizeu.com.br, quanto visitar um dos pátios nos lugares que citei. No endereço é possível ver notícias sobre os próximos eventos, pegar telefones para contato, etc. Normalmente quando há um leilão online também há um presencial e tudo isso é previamente anunciado no site. Faça uma boa compra!

Compartilhar:
Publicado por
1 Comentário:
  1. Nelson dos Santos
    02/09/2014

    Quero saber mais detalhes sobre a Vizeu Leilões em valinhos, como tenho acesso aos itens a serem leiloados, com referencia a documentação se estão em dia ou não, horários de visitas e do leilão propriamente dito, se tem guinho no local ou terei que levar um por minha conta caso faça algum arremate, se o carro não tem combustível. Como faço para retira-lo, ou mesmo se ele não estiver funcionando, pode-se levar um ou dois cheques administrativo referente ao sinal mesmo de valor aproximado? Como tenho acesso ao edital do leilão?
    Quero saber, podem me responder?

    Grato

    Nelson dos Santos

Deixe sua opinião:
Mensagem

Copyright 2010/2012 - Todos os direitos reservados.