Jardins Residenciais – Pequenos, Fotos, Projetos, Externos e Internos

Em uma certa faze da vida ficamos muito ligados em decoração, queremos tudo que é nosso bonito, cuidamos para que fique em bom estado e investimos naquilo. Em questões de casa, por exemplo, quem não quer morar em um lugar atraente? É sempre legal viver em um ambiente limpo, organizado e atrativo. Tanto no interior quanto no exterior da casa é um pouco caro construir um design bacana, mas há sempre alternativas mais em conta e diferentes que dão um ar novo ao local. É claro que vemos diversas fotos de jardins na internet e pensamos: “Ah, esse é para os ricos”. Realmente alguns são de outro nível, mas muitos enganam pela aparência, parecem impossíveis de se pagar, mas na verdade são bem simples de se fazer.

Aqui em casa por exemplo, sempre mantemos a sala cheia de enfeites, vasos diferentes e o máximo possível de flores naturais. Minha mãe é apaixonada por plantas artificiais, mas sempre consigo convencê-la à comprar verdadeiras e cuidar delas para que não morram tão rápido. Algumas pessoas acreditam que esses ‘seres’ captam o astral da casa e se desenvolvem à partir daquilo, ou seja, se estão todos felizes e de bem com a vida, ela cresce bonita e saudável, do contrário, já sabe, né? Enfim, isso eu já não sei, apenas gosto delas espalhadas pelos cômodos.

Árvores e água para regar automaticamente

Do lado de fora é sempre bom fazer um ou mais jardins residenciais, independente do tamanho acho sempre válido e se houver espaço o suficiente para plantar pés de frutas melhor ainda. Além de tudo é muito útil, acho que seria incrível ter um pé de limão aqui no fundo de casa, por exemplo. Eu poderia fazer sucos e caipirinha, já é uma mão na roda. Na casa que eu nasci haviam amoras no quintal e eu ia todos os dias comer um monte, já que tinham muitas arvores. Infelizmente não há espaço suficiente aqui no meu terreno atual para esse tipo de coisa, pois caso não saiba elas precisam de muita terra em volta para crescer e dar frutos.

Modelo quadrado com poste de luz e grama

Se tiver tempo de sobra, faça um bom projeto antes, não importa se é do lado externo ou em um de inverno (interno), pois se fizermos de qualquer jeito pode não dar o efeito desejado e nem sempre é possível reorganizar, não compensa. Procure arquitetos que planejam ambientes e peça para que ele faça algum desenho ou mostre trabalhos anteriores, só não exagere na quantidade de plantações, pois temos que regar com frequência e algumas mudas não crescem longe do sol, enfim. Procure sempre quais as condições para que as sementes se desenvolvam e certifique-se de que poderá oferecer essas “mordomias” para elas.

Jardim Pequeno e Redondo com Pedras

Compartilhar:
Publicado por
Deixe sua opinião:
Mensagem

Copyright 2010/2012 - Todos os direitos reservados.